terça-feira, 12 de maio de 2020

Laberinto


Nome: Laberinto
Editora: NA
Autor: Carlos P.
Género: Labirinto
Ano de lançamento: 2020
Teclas: Não redefiníveis
Joystick: Não
Memória: 48 K
Número de jogadores: 1

O último jogo a entrar na competição BASIC 2020, é também o mais básico de todos. Sem história associada, sem ecrã de carregamento, sem qualquer opção adicional, como por exemplo escolha das teclas, limita-se a apresentar um único ecrã, sendo o objectivo chegar à porta de saída.

Iniciamos a viagem no canto oposto à porta, e pelo caminho vamos encontra becos sem saída, mas desde logo visíveis, pelo que não faz muito sentido a sua existência. Também se encontram algumas bichezas, nomeadamente cobras e escorpiões. As parcas instruções dizem que se carregamos na tecla de disparo, assustamos os bichos, mas não notámos que fizesse grande efeito. Alguns já se assustavam mesmo sem que manejássemos a espada, outros continuavam a atacar-nos. Optámos assim por uma estratégia diferente, ir direito à porta de saída sem nos preocuparmos com os animais. E deu resultado...

Laberinto é então um jogo que se pega uma, e apenas uma vez, de seguida descartando-o. Tudo é do mais simples que existe, incluindo os gráficos e som. De qualquer forma, mérito ao seu autor, que não só criou um jogo do início ao fim, como não teve receio em apresentá-lo para escrutínio público.

Sem comentários:

Publicar um comentário