domingo, 11 de setembro de 2016

Empire


Nome: Empire
Editora: NA
Autor: Aralbrec
Ano de lançamento: 1981 / 2016
Género: Estratégia
Teclas: NA
Joystick: NA
Número de jogadores: 6 (simultâneo)

Empire foi originalmente escrito para o TRS-80 em 1981. Entretanto, Aralbrec descobriu o código do programa e converteu-o muito recentemente para o Spectrum.

Estamos aqui perante um puro jogo de estratégia, apenas com texto envolvido (muito à semelhança de 1984, já aqui analisado, ou até do mais conhecido Dictator), mas que nem por isso deixa de ter o seu interesse, muito embora, e como se compreende já que foi escrito para um computador com pouca capacidade, as opções ao nosso dispor são muito limitadas. Mas é melhor começarmos pelo início.

Fazemos então parte de um império com 6 reinos, em que cada um deles é assumido por um jogador ou pelo computador. Além disso existe ainda o reino dos bárbaros, apátridas, mas que vão também ocupando algumas terras. Para que o nosso reino respire saúde, convém irmos alimentando a nossa população e exércitos, construindo melhoramentos na cidade (mercados, oficinas, etc.), e gerindo convenientemente os nossos recursos, já que estes são limitados (começando pelo dinheiro). Teremos então que ir conquistando terras aos nossos adversários, única forma de nos irmos desenvolvendo. Mas simultaneamente deveremos gerir os recursos económicos, comprando e vendendo as nossas colheitas, modificando impostos, etc., por forma a atrairmos mais população e nobres para o nosso reino, permitindo-nos crescer, aumentar a produção agrícola e chefiar mais exércitos (cada nobre pode chefiar até 20 soldados). O jogo desenrola-se por turnos, pelo que depois de seleccionarmos as nossas opções, cabe ao adversário fazer exactamente a mesma coisa.

Apesar de escrito em Basic, não existem longos tempos de espera (antes pelo contrário), contribuindo para a fluidez do jogo.

Sem comentários:

Publicar um comentário