segunda-feira, 29 de janeiro de 2018

The Adventures of Jane Jelly - The Egg Diamond


Nome: The Adventures of Jane Jelly - The Egg Diamond
Editora: Bum Fun Software
Autor: Jaime Grilo
Ano de lançamento: 2018
Género: Plataformas
Teclas: Não redefiníveis
Joystick: Kempston, Sinclair
Número de jogadores: 1

Jaime Grilo volta à carga com nova aventura da moça com dois proeminentes apêndices, Jane Jelly, desta vez com o terceiro episódio da saga: The Egg Diamond. E relativamente aos dois primeiros episódios da série, vão reparar que existem algumas modificações, que no nosso entender aumentam a jogabilidade e dão mais "sal" a esta aventura. Afinal de contas, não é todos os dias que temos o privilégio de ver despida a personagem principal, e ao contrário de alguns jogos que por ai andam, não temos que ser um ás no poker. Mas comecemos pela história de Jane Jelly 3.

Jane sempre foi fascinada por aventuras e pelas descobertas. Influenciado pelos filmes de Indiana Jones e de Tomb Raider, Jane decidiu tentar sua sorte na caça aos tesouros. Jonathan A. G. Dwell, um antigo conhecido do seu pai, sabendo da vontade de Jane, contratou-a para ir à caça ao tesouro. Na primeira aventura encontrou o tesouro de Zedin, seguindo-se depois o tesouro de Hotmarmalade. Tendo cumprido com sucesso as missões prévias, vai agora à procura do tesouro do Egg Diamond na ilha do Badass Guy. Mas este é mesmo "badass", e não perde a oportunidade de despir a Jane e fazer sabe-se lá o quê com ela.


Para completar a missão, Jane tem quer regressar à lancha que a trouxe à ilha, com o diamante, e vestida, pois claro. Mas a tarefa é árdua, pois ao longo de vinte e um diferentes ecrãs, têm que evitar muitos inimigos, na forma de pássaros e morcegos perseguidores, pedras que caem ou que rebolam para cima da nossa heroína, tochas, mas acima de tudo os lacaios de Badass, que se apanham a Jane, despem-na, aliviam-na de todos os pertences e colocam-na na prisão (uma das novidades do jogo). Quando isso acontece, que remédio temos senão encontrar as roupas e os objetos que entretanto foram roubados.

Uma das novidades é que apesar de haver armadilhas que vos matam instantaneamente, os vossos perseguidores agora têm um efeito diferente. Assim, se forem apanhadas três vezes pelos lacaios do Badass, já não vão parar à prisão, mas sim encontrar-se com o mauzão em pessoa. Nesse caso o jogo acaba. Por outro lado, tocarem nos restantes perseguidores retira-vos um pouco de energia, e se esta chega a zero, perdem logicamente uma vida (começam com três). Parece-nos uma boa evolução ter-se reduzido as formas de se morrer instantaneamente, possibilitando uma maior longevidade do jogo (e consequentemente aumentando a sua jogabilidade).

Mas além disso, também encontram aqui os típicos elementos de uma aventura de arcada. Assim, têm que encontrar a chave que abre o baú do tesouro (além de o localizar), e uma roda que permite ativar um sistema de alavancas. Só assim conseguirão alcançar o almejado tesouro e regressar à lancha. A chave e a roda encontram-se nas peças de mobiliário espalhadas pelo cenário e começam sempre no mesmo sítio, se bem que uma boa adição ao jogo seria irem mudando aleatoriamente de local.


Um outro elemento em que se nota uma boa evolução é ao nível gráfico. Assim, desde o primeiro jogo criado por Jaime Grilo (todos no motor Arcade Games Designer), que estes têm ficado mais atrativos, muito coloridos, com cenários apelativos, e que convidam a ir sempre um pouco mais à frente para ver o que o programador nos reservou. No entanto, também se notam um pouco as limitações do AGD, desde logo um sistema de colisão que está longe de ser perfeito, ou a pouca memória livre, que faz com que normalmente os jogos criados com este motor tenham poucas salas.

Em suma, esta terceira aventura joga-se com muito agrado, e aguardamos agora pela continuação. Sim, porque Jaime habituou-nos mal, a esperar uma nova aventura da Jane por trimestre. E agora queremos mais.

Podem aqui vir buscar o jogo gratuitamente, ou quem preferir pode adquiri-lo através da Bum Fun Software (disponível em breve).

Sem comentários:

Enviar um comentário