quinta-feira, 12 de setembro de 2019

Train Wars


Nome: Train Wars
Editora: NA
Autor:  4z1m0v e DenimMsx
Ano de lançamento: 2019
Género: Shoot'em'up
Teclas: Não redefiníveis
Joystick: Não
Memória: 48 K
Número de jogadores: 2 (apenas)

Azimov parece um comboio em movimento, não pára... Ainda ontem tinha lançado Creepy, e já hoje nos oferece novo jogo, desta vez em pareceria com DenimMsx. E também com uma temática completamente diferente, a começar porque é um desafio para dois jogadores em simultâneo, apenas.

Confessamos que antes de carregarmos o jogo pensávamos que por ser criado em Basic, este tipo de desafio poderia não resultar muito bem, até pela própria lentidão inerente a esta linguagem de programação, no entanto o resultado foi surpreendentemente bom, não se notando minimamente as limitações, ao contrário do que acontecia com Creepy.

O desafio é muito simples: dois comboios deslocam-se paralelamente numa linha férrea infinita. Um na parte de cima, outro na parte de baixo, e o objectivo é destruir o adversário. Para isso pode-se aumentar ou diminuir a velocidade da locomotiva, movimentando-a para trás ou para a frente, e disparar de cada um dos três vagões, tentando atingir o inimigo. Cada tiro certeiro diminui um pouco a energia do adversário, medida por uma barra horizontal vermelha. Quando esta desaparecer, o desafio termina.


Train Wars tem assim uma ingénua simplicidade e uma brilhante execução que o torna um daqueles jogos aos quais voltamos com muita frequência. Em certos aspectos faz lembrar High Noon, apenas faltando a opção para jogador versus computador. A jogabilidade é esplêndida, os gráficos estilo cartoon bastante engraçados (nem parece ter sido criado em Basic), e apresenta uma melodia inicial bastante atractiva (Enola Gay, dos OMD), além de que o próprio barulho da locomotiva em andamento está bem conseguido.

É então um desafio a experimentar, desde que tenham um parceiro de jogo, obviamente. Train Wars poderá ser aqui descarregado, entrando a concurso na competição BASIC 2020.

Sem comentários:

Publicar um comentário